sábado, 27 de julho de 2013


Não vale a pena. Acho que sou bastante forte para sair de todas as situações em que entrei, embora tenha sido suficientemente fraco para entrar. Não faço planos, não sei o que vai acontecer amanhã.

Caio Fernando Abreu, carta a Hilda Hilst

Nenhum comentário:

Postar um comentário