terça-feira, 27 de março de 2012

‎"Não deite com mágoas no coração. Não durma sem ao menos fazer uma pessoa feliz. E comece com você mesmo!" 
‎"Adoramos a perfeição, porque não a podemos ter; repugna-la-íamos, se a tivéssemos. O perfeito é desumano, porque o humano é imperfeito."



P.S.: Texto e foto retirada do Facebook de uma querida, a Tina Cavalcante.


‎"Perdi minha identidade, me desconheci. Passei um mês inteiro trancado no quarto, sentindo dor. Não exatamente sentindo, mas sendo dor."

in carta à Vera Antoun
.

segunda-feira, 26 de março de 2012



Permita-me desfalecer enquanto disserto sobre coragens que não tenho. Deixe-me ir quando não houver mais disposição para ficar. Aceite minhas falhas que hoje me definem e me limitam, mas diga o que for preciso pra me corrigir. Deixe-me chorar pela incompletude desses dias que não passam, mesmo que seja bobagem, mesmo que minha solidão seja infundada e incompreensível. O telefone não toca e se você não conhece o desespero do silêncio, apenas aceite.
Perdoe-me a indelicadeza, a maneira bronca no convívio humano. Falta-me a consciência de amar. Sobra-me o medo de ser mal entendida. Tenho limitações bobas que não se explicam com definições certas, palavras existentes. Tem um dicionário inteiro de termos ainda não criados para falar sobre mim. Não sei o que, não sei o motivo, não sei como. Não explico, nem me importo. Apenas sou. E isso tem que bastar.
Você me pergunta se eu não tenho coração. Eu tenho.Tenho um coração vazio de ódio ou amor. Se você não consegue ouvi-lo é porque não faz ele bater. Me provoque, me ofenda, brigue comigo, mas não me deixe presa no comum. Não permita que o tédio silencie meu coração.
‎''Se houver amor em sua vida, isso pode compensar muitas coisas que lhe fazem falta. 
Caso contrário, não importa o quanto tiver, nunca será o suficiente.'' 

domingo, 25 de março de 2012


Hoje em dia os sorrisos estão mecânicos e os abraços sem afeto, pessoas não sentem, não sabem mais amar. Há uma vaga possibilidade de encontrar, perdido ao caos da modernidade alguém que sabe valorizar o sorriso da criança, o pôr-do-sol, a borboleta que voa, o beija-flor namorando a flor. Podemos tentar colorir o mundo da forma mais simples que existe, dar um abraço na pessoa amada já é um belo começo, não podemos deixar que o amor verdadeiro seja esquecido em meio às máquinas frias que circundam este mundo.

sábado, 24 de março de 2012

‎(...) e pensando nas pessoas que perdi, senão em afeto, pelo menos em proximidade física. De vez em quando choro, é bom chorar, eu não tenho vergonha, mas em todos os momentos existe a certeza de ter feito uma escolha acertada, de estar caminhando em direção à luz.

Caio Fernando Abreu em CARTA a Vera Antoun, no livro Cartas 

Verdade, Mafalda.



Viver é perfeitamente imperfeito e incerto, não sabemos quando começar ou encerrar um ciclo, só sabemos que fazemos parte do mesmo. E o esquecimento é uma parte da vida, parte totalmente presente, esquecemos a hora, o dia, o aniversário de alguém, o trabalho da faculdade, o dia da prova, esquecemos tudo e também esquecemos aquele amor que antes pensamos que era e que seria inesquecível, mas o tempo vem e cobre a ferida, porém, ela pode ser descoberta, mas particularmente prefiro que ela se esconda no fundinho da mala de minha lembranças, e por lá fique. Não gosto de lembrar de momentos bons que não voltam, mas como menina teimosa que sou, volto a lembrar, volto a gostar, volto a me doer.

Tolerância - Ana Carolina


Deixa eu te levar
Não há razão e nem motivo
Pra explicar
Que eu te completo
E que você vai me bastar, eu sei
Tô bem certo de que você vai gostar
Você vai gostar

Tirinha do lindo Snoopy :D






Caso você queira posso passar seu terno, aquele que você não usa por estar amarrotado.
Costuro as suas meias para o longo inverno...
Use capa de chuva, não quero ter você molhado.
Se de noite fizer aquele tão esperado frio poderei cobrir-lhe com o meu corpo inteiro.
E verás como minha a minha pele de algodão macio, agora quente, será fresca quando janeiro.
Nos meses de outono eu varro a sua varanda, para deitarmos debaixo de todos os planetas.
O meu cheiro te acolherá com toques de lavanda - Em mim há outras mulheres e algumas ninfetas - Depois olantarei para ti margaridas da primavera e aí no meu corpo somente você e leves vestidos, para serem tirados pelo total desejo de quimera.
Os meus desejos ireie ver nos teus olhos refletidos.
Mas quando for a hora de me calar e ir embora sei que, sofrendo, deixarei você longe de mim.
Não me envergonharia de pedir ao seu amor esmola, mas não quero que o meu verão resseque o seu jardim.
(Nem vou deixar - mesmo querendo - nehuma fotografia.
Só o frio, os planetas, as ninfetas e toda a minha poesia).


Um ancião índio norte-americano, certa vez, descreveu seus conflitos internos da seguinte maneira:
- Dentro de mim há dois cachorros. Um deles é cruel e mau. O outro é muito bom, e eles estão sempre brigando.

Quando lhe perguntaram qual cachorro ganhava a briga, o ancião parou, refletiu e respondeu:
- Aquele que eu alimento mais frequentemente. 

terça-feira, 13 de março de 2012

Deixa ser. Como será quando a gente se encontrar?! ♫



Amados leitores, desde já venho dar um aviso por aqui, irei me ausentar desse recantinho por alguns dias, por motivos acadêmicos e também devido ao trabalho. Porém, retornarei após esse "recesso" cheinha de saudade de vocês e trarei lindas postagens. O meu OBRIGADA à todos aqueles assíduos aqui no Simples e Inefável, a presença de vocês é o melhor presente que posso ganhar. 


Saudades mil, beeeijô da Nay :)
"... tatuando o teu meio-sorriso no meu início." 


"Pode pensar o que quiser, 
ainda acho a reciprocidade 
uma das coisas mais gostosas 
- e divertidas - desse mundo."
E eu continuo sendo a melhor coisa, que você nunca teve. 
Fácil é abraçar, apertar as mãos, beijar de olhos fechados… Difícil é sentir a energia que é transmitida. Aquela que toma conta do corpo como uma corrente elétrica quando tocamos a pessoa certa. 
"Os sentimentos verdadeiros se manifestam mais por atos que palavras." 
Você foi a esperança nos meus dias de solidão, a angústia dos meus instantes de dúvida, a certeza nos momentos de fé. 



segunda-feira, 12 de março de 2012



Há gente que, em vez de destruir, constrói; em lugar de invejar, presenteia; em vez de envenenar, embeleza; em lugar de dilacerar, reúne e agrega.


É pelas próprias virtudes que se é mais bem castigado.

Sinto uma saudade de você, uma saudade tão doce que as vezes ela mais parece amarga. Lembro seu cheiro, sinto seu perfume mesmo longe de sua presença. Seu abraço quente e forte me aquecia e protegia. Como me lembro das vezes que você me salvou da dor da ausência com suas palavras de afeto. Ainda hoje falo em você e de você, porém, sei que dentro de seu íntimo não tenho mais espaço, escolha minha, não? Sim, as circunstâncias me induziram à esta escolha e hoje de você me resta a falta e a lembrança.

Que confusa é a vida, um misto de sensações. É trabalho, é faculdade, família, amor e amigos, tudo se mistura, como num liquidificador enorme e bate 5, 8 vezes e você lá dentro à rodopiar também, sempre se perdendo no meio de tanto caos. Como achar a forma de descansar? O descanso íntimo realmente existe? São tantas situações intrigantes, são tantas pessoas sem “alma” por este mundo. Este mundo mais parece um deserto, pessoas se perdem em meio à poeira da modernidade e os sentimentos mais nobres são esquecidos em um cantinho da memória. Cabe à nós, salvar o mundo, criar um novo mundo, plantar e colher sorrisos e abraços e dar  à ele um colorido mais bonito.


Quero você aqui, no meio das minhas coisas, meus livros, discos, filmes, minhas ideias, manias, suspiros, recortes. Respirando o mesmo ar e todas coisas que alimentam àquela nossa, tua, minha inesgotável saudade.”


Por fora, já desistiu. Por dentro, sempre descobre alguma desculpa para recomeçar.

Bom conselho, Caio.


quinta-feira, 8 de março de 2012





‎"Parabéns para você, que, linda, lida com explosões hormonais uma vez ao mês. Que sente tudo inchar. Que chora por besteira. Que valoriza bobagens. Que acredita em filmes de amor. Que faz coleção de esmaltes. Que ama sapatos, bolsas e cacarecos para colocar no cabelo. Que compra só porque tava em liquidação. Que sempre precisa de alguma coisa. Que acha o amor a coisa mais bonita – e importante desse mundo. Que sabe como é fundamental olhar para si mesma – ainda que de vez em quando se perca e se preocupe em demasia com o "querer" do outro.

Parabéns para você, que dia a dia aprende mais sobre você mesma. Que erra para aprender. Que é forte o suficiente para seguir em frente – sem lamúrias, mas com maturidade e sensatez. Que de vez em quando esquece a própria idade e o juízo em algum canto. E depois acha, como mágica."


segunda-feira, 5 de março de 2012

Parabéns, Caraúbas!


Caraúbas cidade fagueira
De belezas e encantos aflux
Do sertão és a plaga altaneira
Inundada de luz.
Surge lindo o sol radioso
Dissipando os claros véus
O teu céu de azul glorioso
Brilha mais que os outros céus.
Quem me dera morrer em teu seio
Jamais longe de te demorar
Quando deixo estes campos receio
Nunca mais regressar.
Meu amado torrão, minha terra.
Deixo a ti este canto de amor
Que em palavras tão simples encerra
Meu afeto e fervor.

domingo, 4 de março de 2012

sábado, 3 de março de 2012

E você, já deu um sorriso hoje?


O amor é perigoso para quem não resolveu seus problemas. O amor delata, o amor incomoda, o amor ofende, fala as coisas mais extraordinárias sem recuar. O amor é a boca suja. O amor repetirá na cozinha o que foi contado em segredo no quarto. O amor vai abrir o assoalho, o porão proibido, fazer faxina em sua casa. Colocar fora o que precisava, reintegrar ao armário o que temia rever.
Meu mundo,a vida,as coisas.
Os detalhes.
As palavras, os gestos,os verbos:
Carinho.
O dia,a manhã,o amanhã.
O tempo,o minuto:
Sentir.
O estar aqui...
Tudo tem mais sentindo com você.
Vem, que eu te ensinarei a voar.

 
“Escuta o teu coração, ele conhece todas as coisas. 

Pois onde ele estiver, é onde está o teu tesouro.''

A vida não pode ser economizada para amanhã. Acontece sempre no presente.

Ultimamente, viver tem se tornado melhor, mesmo  algumas pessoas querendo acabar com seu viver. O sorriso está mais belo, as esperanças se renovam ao amanhecer, a felicidade é nítida. O Tempo continua correndo, e eu acreditando no dia melhor, no abraço melhor. Viver só é viver quando se esquece as pequenas desavenças, e se passa a admirar o que cada um tem de melhor. Esse é o tempo de plantar doçuras.