sábado, 11 de agosto de 2012

Me pego pensando o quanto é interessante o desejo. Desejo de ser feliz, de comer, de beijar, de gritar, enfim, muitos desejos, milhares até. Como pode uma só pessoa ter tantos desejos? Não sei... Acho que isso só serve para enrolar a mente nada sã, desta pobre pessoa. Que enorme desafio é viver, e maior ainda é saber escolher o"certo", porém há escolhas erradas que nos deliciam, não é? Que escolha já fez hoje? É hora de escolher entre seus desejos, e pode ir começando por: parar de desejar quem não te deseja! Uma boa saída, aliás essa é a resolução dos problemas da vida de muitas pessoas que conheço. Por que não tomar uma vodka pura, e olhar como está a lua essa noite? É melhor do que ficar à míngua pensando em pessoas que não pensam em nós. Não sou a pessoa mais indicada para fazer esse tipo de recomendações, porém estou recomendando para mim, caso encaixe-se em seu caso, fique a vontade para aderir a esse estilo de vida. Que saudade do tempo da despreocupação com trabalho, família, faculdade, amor, amigos e ex amigos. Há tempos, percebi que cansei de esperar por pessoas, no começo é difícil, mas, com a ajuda do Grande tempo acabamos nos adaptando a falta, a vontade, a coragem, enfim, a tudo! Hoje é tempo de renovação!

Nenhum comentário:

Postar um comentário