domingo, 4 de dezembro de 2011

Aponta pra fé e rema ♫



De repente as coisas ficam bem como nunca estiveram, só que mais de repente ainda elas desandam de maneira impressionante, uma coisa por mais mínima que seja te faz ver como você não satisfaz a pessoa que mais estima. E dá pra pensar que nunca o deixamos realmente feliz, nos sentimos somente um simples passatempo, ou algo tão insignificante que nem merecer ser lembrado ou reconhecido. É nesse instante que a tristeza te consome, te bate vontade de se trancar e não falar mais com ninguém. Onde erramos? O que faltou ser feito? É difícil manter-se sempre com a mesma postura, com a mesma felicidade no rosto, mas, a alma está enegrecida de solidão. Só resta esperar o dia em que o sorriso de verdade irá brotar dos lábios e fazer a alma se reerguer e ser tão doce a ponto de mandar a tristeza de outrora tão longe que está será incapaz de se aproximar novamente, uma palavra basta pra isso não passar de um sonho: Fé!

[Título: Los Hermanos]

Nenhum comentário:

Postar um comentário