quinta-feira, 11 de agosto de 2011

[...] E penso e repenso e trepenso em você.



Um comentário: