sábado, 16 de julho de 2011


Há feridas que nunca curam, apenas se esquecem de doer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário